10 de mar. de 2010

A IMPORTÂNCIA DO MACROAMBIENTE DA EMPRESA NAS DECISÕES DE MARKETING

Principais forças no macro ambiente da empresa Ambiente demográfico É o estudo da população humana em termos de tamanho, densidade, localização, idade, sexo, raça, ocupação e outros dados estatísticos. O ambiente demográfico é de grande interesse para os profissionais de marketing, isso porque ele envolve pessoas, e pessoas constituem mercado. A população mundial cresce a um ritmo alucinante. Atualmente, totaliza mais de 6 bilhões de pessoas, e excederá a casa dos 7,9 bilhões em 2025. População em crescimento significa mais necessidades humanas a satisfazer. Dependendo do poder de compra, isso também pode significar oportunidades de mercado em crescimento. Por exemplo: China – pequenos imperadores – síndrome dos seis bolsos. Essa população mundial propicia tanto oportunidades como desafios. Os profissionais de marketing devem acompanhar as mudanças nas estruturas etária e familiar, as alterações geográficas da população, as características educacionais e a diversidade da população. Ambiente Econômico Consiste em fatores que afetam o poder de compra e o padrão de consumo das pessoas. Os países variam muito em relação ao nível e à distribuição de renda. Em um extremo estão aqueles que possuem a economia de subsistência, consomem a maior parte de seus produtos agrícolas e industriais. Esses países oferecem poucas oportunidades de mercado. No outro extremo estão aqueles que possuem economia industrial, constitui-se de países ricos com mercado para diferentes tipos de bens. Ambiente Fisico-natural Abrange os recursos naturais utilizados como insumos pelos profissionais de marketing ou que são afetados pelas atividades de marketing. Nas últimas três décadas, a preocupação com o meio ambiente cresceu bastante. A década de 1990 ficou conhecida como a década da terra. Os profissionais de marketing devem ter consciência das muitas tendências do ambiente físico-natural. 1ª tendência – escassez de matérias-primas. AR e água. A polução do ar atinge as maiores cidades do mundo, e a escassez de água já constitui um grande problema em muitas partes do mundo. 2ª tendência – aumento da poluição: lixo químico e nuclear, mercúrio nos oceanos, poluente químicos no solo, sujeira no meio ambiente com garrafas, plástico e outros materiais não biodegradáveis. 3ª tendência – aumento da intervenção do governo – as preocupações e os esforços do governo para promover um ambiente limpo variam de acordo com cada país. Alguns governos, como o da Alemanha buscam com vigor a qualidade ambiental, outros faz pouco porque lhe faltam recursos e a vontade política necessária. A esperança de todos é que empresas do mundo inteiro assumam mais responsabilidade social e que sejam criados dispositivos menos caros para controlar e reduzir a poluição. Ambiente Tecnológico Talvez constitua a força mais significativa que molda nosso destino. A tecnologia gera maravilhas como os antibióticos, os transplantes de órgãos, os notebooks e a internet. Também gerou horrores como os mísseis nucleares, as armas químicas e as metralhadoras. Gerou ainda benefícios duvidosos, como o automóvel, a televisão e o cartão de crédito. Novas tecnologias geram novos mercados, entretanto, toda nova tecnologia substitui a anterior. Exemplos: transistores acabaram com as válvulas; xérox – cópias de carbono, cd – discos de vinil. Ambiente Político Consistem em leis, órgãos governamentais e grupos de pressão que afetam e limitam várias organizações e indivíduos de determinada sociedade. LEIS QUE REGULAMENTAM OS NEGÓCIOS Mesmo os mais liberais defensores da economia de livre mercado concordam que o sistema funciona melhor com algumas regulamentações. Quando é bem concebida, a regulamentação pode intensificar a concorrência e assegurar amplos mercados para bens e serviços. Ambiente Cultural É constituído de instituições e outras forças que afetam os valores, as percepções, as preferências e os comportamentos básicos de uma sociedade. As pessoas crescem em determinada sociedade que molda suas crenças e seus valores básicos. Elas absorvem uma visão de mundo que define seu relacionamento com os outros. Persistência dos valores culturais Crenças e valores centrais são passados de pais para filhos e reforçados pelas escolas, pela Igreja, pelas empresas e pelo governo. Ex: casamento, trabalho, honestidade, caridade. As crenças e os valores secundários são mais abertos às mudanças. Os profissionais de marketing podem mudar valores secundários, mas dificilmente mudarão valores centrais. Ex.: acreditar no casamento é uma crença central. Crer que as pessoas devem casar cedo é uma crença secundária Mudanças nos valores culturais secundários Os principais valores culturais de uma sociedade são expressos pela maneira como as pessoas vêem elas mesmas os outros. São expressos também na maneira como vêem as organizações, a sociedade, a natureza e o universo. Visão que as pessoas têm de si mesmas: As pessoas utilizam produtos, marcas e serviços como meios de auto-expressão e compram produtos e serviços que têm a ver com sua visão sobre si mesmas. Visão que as pessoas têm dos outros Observadores notaram a mudança da sociedade do eu para a sociedade do nós. Essa tendência implica uma forte demanda por produtos e serviços de apoio social que melhoram a comunicação direta entre as pessoas, como, por exemplo, clubes e férias em família. Visão que as pessoas têm das organizações: Um número cada vez maior de pessoas está disposto a trabalhar em grandes organizações esperando que, em troca, elas realizem trabalhos sociais. Essa tendência sugere que as organizações precisam encontrar novas maneiras de conquistar a confiança de seus funcionários e consumidores. Elas precisam rever sua propaganda para ter certeza de que suas mensagens são honestas. Muitas estão se vinculando a causas nobres, avaliando sua imagem junto a públicos importante e usando relações públicas para construir uma imagem mais positiva. Visão que as pessoas têm da sociedade a postura das pessoas em relação à sociedade varia. Os patriotas a defendem, os reformista desejam mudá-la e os descontentes querem deixá-la. A visão que as pessoas têm da sociedade influencia seus padrões de consumo, seus níveis de economia e sua postura em relação ao mercado. Visão que as pessoas têm da natureza: A postura das pessoas em relação à natureza varia. Algumas se sentem dominadas por ela, outras se sentem em harmonia com ela e outras ainda procuram dominá-la. Recentemente, no entanto, as pessoas passaram a perceber que a natureza é finita e frágil e que pode ser destruída ou estragada pelas atividades humanas. O amor pela natureza está levando a um aumento no número de acampamentos, trilhas, passeios de barco, pescaria e outras atividades realizadas ao ar livre. Visão que as pessoas têm do universo: As pessoas têm deixado de lado o materialismo e a ambição desenfreada e buscado valores mais permanentes – família, comunidade e fé – e uma certeza maior do que é certo ou errado. Esse novo espiritualismo afeta os consumidores em tudo – dos programas a que assistem e livros que lêem aos produtos e serviços que compram. Ex. serviço: viagens a locais sagrados ou místicos.
Fonte: Profª Kátia Heloisa Bertol de Araujo

2 comentários:

  1. Oi Professor, excelente as definições sobre os vários segmentos do MacroAmbiente, estou conseguindo entender melhor as diferenças e a importância de cada uma delas para uma ótima ação de MKT.
    Já estou seguindo o blog.
    Obrigada e até Terça-Feira.
    Camila Figueiredo

    ResponderExcluir
  2. ola professor, sou uma aluna de marketing, da faculdade virtual unopar.
    Queria saber como faço para fazer um trabalho sobre macroambiente de uma pastelaria.
    è uma empresa pequena, composta apenas por 3 funcionarios e o proprietario que é também o administrador.
    Obrigado pela atenção.

    ResponderExcluir