6 de mar. de 2012

"O Brasil é o país que o mundo deveria prestas atenção"


Crescimento econômico, fonte de recursos naturais e um jeito próprio de resolver problemas atraem a atenção de Bill Clinton – e do planeta – para a sexta maior economia global.

Com presença maciça no NRF 2012, os brasileiros são exaltados enquanto o Primeiro Mundo em crise recorre a novos conceitos para voltar a vender: omni-canal, loja 3.0, engajamento...

"O Brasil é o país que o mundo inteiro deveria prestar atenção”. A frase não foi dita por um nacionalista, defensor da pátria verde-amarela, e, sim, por Bill Clinton a uma plateia de mais de 25 mil pessoas.

O ex-presidente gastou oito minutos de sua palestra no 101º Retail Big Show do NRF (National Retail Federation) para falar... da gente. Aliás, nunca fomos tão numerosos no principal evento de varejo do mundo.

Neste ano, o País trouxe a maior delegação internacional a Nova York – 1,4 mil integrantes. “Aliás, eu considero o Brasil a potência mais sustentável do mundo, atualmente”.

Clinton aproveitou a audiência para elogiar o avanço econômico brasileiro, com distribuição de renda e preservação do meio ambiente. Lembrou especialmente de uma reunião que participou ano passado em Manaus para discutir soluções para o meio ambiente.

“Havia na mesa representantes de empresas de petróleo, cana-de-açúcar e biodiesel, de associações indígenas e de proteção ao meio ambiente. Todos estavam tentando encontrar uma saída para o problema usando o bom senso e não apenas impondo seus próprios interesses".

Escrito por  Thiago Borges, de Nova York
Colaborou Ticiana Werneck 

Nenhum comentário:

Postar um comentário